Dicas para escrever textos mais interessantes

Se você tem dificuldade em prender a atenção do leitor, é preciso seguir algumas dicas para tornar seu texto mais interessante. Além da prática, outros detalhes são extremamente importantes para escrever bem. Preparamos uma lista com alguns truques bacanas pra você impressionar!

  • Comece a escrever sobre coisas que você realmente gosta. Isso vai fazer com que seu interesse pela escrita melhore a cada texto, por estar construindo pensamentos que são interessantes para você.
  • Depois de escolher temas agradáveis para começar, desenvolva a afeição por aquele projeto. Escreva com paixão, com vontade de fazer um bom trabalho, recheado de conteúdo relevante e boas construções. Trabalhe nele o máximo que puder.
  • Se você ainda não domina um assunto suficientemente para escrever um texto excepcional, experimente escrever sobre o que você quer saber. Se você colocar suas dúvidas em seus textos e escrever outros esclarecendo-as, você terá mais conhecimento e saberá formular melhor suas construções.
  • A prática leva a perfeição. Por isso, escreva sobre tudo! Faça da escrita – e da leitura – parte da sua rotina. Com isso, será ainda mais fácil desenvolver um bom texto e, principalmente, um estilo próprio. Escrever é um hábito que não se deve abandonar!
  • Procure desenvolver uma forma única de escrever. Tente fazer com que suas produções transpareçam um pouco de sua personalidade. Escrevendo com freqüência, você saberá identificar seu estilo. Quando já souber a fórmula do seu sucesso textual, experimente outros jeitos de escrever.
  • Evite textos rebuscados. Utilizar palavras cujos significados você não conhece a fundo só para impressionar pode ser uma péssima saída. Tente ser objetivo. Com a prática, você será capaz de dizer o necessário em poucas palavras e com muito estilo e impacto.
  • Avalie o que é desnecessário. O texto acaba ficando desinteressante para o leitor quando você explica cada pedacinho. Deixe ganchos para que as pessoas pensem a respeito do que você está falando. Esqueça adjetivos que qualificam seu próprio texto – como “interessante”, “incrível” e etc. Coloque bem os substantivos ao invés de usar advérbios e outros tipos de complementos gramaticais. Às vezes, um bom substantivo sozinho causa muito mais impacto.
  • Uma ótima maneira de perceber a maneira como você está escrevendo e as partes que precisam ser cortadas é deixar o texto “descansando”. Ao terminar, dedique-se a outras atividades e procure esquecer-se completamente dele. A idéia é conseguir revisar o texto com distanciamento, como se você fosse o corretor.
  • Tente desenvolver certa sensibilidade para detectar o que precisa ser cortado. Se você achar que pularia uma parte essencial do texto, provavelmente é uma parte que está mal escrita. Se esse for o caso, reescreva; se a idéia não for fundamental, corte. Com o tempo, você diminuirá cada vez mais o tempo de produção textual.
  • Ao invés de classificar idéias e expressá-las de forma pronta, exemplifique e descreva de maneira interessante. Por exemplo, ao invés de dizer que um quadro é bonito, apresente seus elementos como se estivesse desenhando com palavras.
  • Aprenda a lidar com as críticas. Uma das melhores maneiras de melhorar a qualidade de seus trabalhos é expondo publicamente. Mostre a alguém que costuma apresentar bons textos e tem uma boa capacidade de julgamento gramatical e ortográfico. Evite confiar na opinião de apenas uma pessoa – principalmente se for querida. Elogios e críticas desmedidos não favorecem o crescimento. Aprenda a lidar com a situação, aceitando quando faz um bom trabalho e tirando proveito dos conselhos quando falhar.
LEIA MAIS  A definição dos objetivos da monografia